domingo, 11 de setembro de 2016

Falando sobre livros: Quantidade é Qualidade?

O que é importante pra você? 
Qualidade do livro ou quantidade em sua prateleira?
É muito comum considerarmos que quantidade é qualidade, mas será que é isso mesmo? 
Quase todo amante da leitura tem como sonho ter uma biblioteca em casa, e que forma mais fácil de realizar esse sonho do que comprar livros em ofertas? Quantos livros de R$ 9,90 que você comprou naquela promoção do site você realmente queria? Ou você chegou a ler? Digo isso por experiência própria; às vezes você precisa comprar mais um livro só para ter frete grátis e você quer esse livro? Será um a mais para chegar à quantidade de 200, 300, 500 livros?
Como você iniciou sua coleção? É comum recebermos de membros da família livros que eles não querem mais, porém vão deixar nossa estante muito feliz! 
Mas você já folheou esses livros? Já leu a sinopse? Percebeu se vai gostar da leitura? Reparou na diagramação? Às vezes as letras desses livros são tão pequenas que você já sabe que não vai ler, afinal, vai dar uma bela dor de cabeça!
Acho importante  ter e ler quantos livros você conseguir e dessa forma vai poder escolher seu gênero literário preferido, mas e quando chegar aquele momento que você olhar para um livro e perceber que nunca vai lê-lo, o que fazer nessa situação? Quer uma dica? Que tal desapegar? 
Para muitas pessoas, só a menção dessa frase vai doer, mas se você está sem espaço, já percebeu que quantidade não é qualidade, por que não? 
Têm muitas pessoas que já estão fazendo isso nesse mundo literário, trocas no Skoob são muito válidas e também em outras redes sociais. Algumas pessoas (cito a Tati Feltrin) estão vendendo no Youtube seus livros que não pretendem reler, por um valor simbólico, que seria apenas para pagar o frete dos Correios. 
A Jota Plutz também, está desapegando geral! Isso é muito importante, afinal essas pessoas são exemplos para tantas outras.
Mas e você, Thais? Anda desapegando? 
Na realidade, ainda não. Eu fiz apenas uma troca no Skoob e acho até que me arrependi dela, pois troquei por um livro da modinha rsrs. Ainda não tenho problema com espaço, mas estou quase lá. Porém já não fico procurando promoções em sites e nem compro mais só porque vejo que está barato.
Ler tem que ser um prazer, não importa quantos livros você tem na sua estante. Bibliotecas públicas servem para isso, vasculhar as prateleiras e encontrar um livro que você quer ler é muito bom. Há livros esgotados que você não vai conseguir comprar, mas nem por isso, será tirado de ti, o prazer de ler! 
Encontre o seu meio de se adequar à sua rotina e seja FELIZ!!