terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

A ESPERANÇA, de Suzanne Collins




Depois de sobreviver duas vezes à crueldade de uma arena projetada para destruí-la, Katniss acreditava que não precisaria mais lutar. Mas as regras do jogo mudaram: com a chegada dos rebeldes do lendário Distrito 13, enfim é possível organizar uma resistência. Começou a revolução.
A coragem de Katniss nos jogos fez nascer a esperança em um país disposto a fazer de tudo para se livrar da opressão. E agora, contra a própria vontade, ela precisa assumir seu lugar como símbolo da causa rebelde. Ela precisa virar o Tordo.
O sucesso da revolução dependerá de Katniss aceitar ou não essa responsabilidade. Será que vale a pena colocar sua família em risco novamente? Será que as vidas de Peeta e Gale serão os tributos exigidos nessa nova guerra?

Olá galera, finalmente depois de muito tempo volto com uma resenha.
Creio, que eu era uma das poucas pessoas que não havia lido essa saga ainda. Emprestada de uma colega de trabalho devorei  JOGOS VORAZES (depois de assistir ao filme) e EM CHAMAS e finalmente estou com A ESPERANÇA em minhas mãos. 
Um amigo, que leu uma semana antes de mim detestou, disse que era muito chato e não valia a pena ler.
Como assim? Ele cheirou? Usou tóxico? Caiu e bateu a cabeça? 
Porque é simplesmente impossível uma autora escrever dois livros maravilhosos e chegar no terceiro...
Comecei a lê-lo adorando como os anteriores a escrita fácil e interessante de Suzane Collins, era óbvio que o livro seria perfeito como os outros, certo? 
Não, errado! 
Sim, meu amigo estava correto e o livro é decepcionante.
Descobrimos como funciona o Distrito 13, a guerra tem início, Katniss é a alma da revolução, mas ela não quer ser a heroína, ela não quer ser o espelho de ninguém.
Até aí tudo bem, é muita responsabilidade para ela, que acaba aceitando ser o Tordo da revolução sob pressão.
Mas a protagonista dos outros livros, cheia de vontade, garra e determinação desaparece. Temos nesse último livro uma Katniss desinteressante, opaca e sem vida, uma coadjuvante merecendo o esquecimento.
O livro inteiro se desenrola quase todo sem ela tomar nenhuma decisão, uma marionete nas mãos de todos e das circunstâncias.
A sede de vingança morreu? 
Nem capacidade para fechar o triângulo amoroso ela tem!
O final é ridículo. O motivo (na minha opinião), o pano de fundo que fez Jogos Vorazes e Em Chamas existirem e nos afeiçoarmos a ele é destruído em A Esperança.
Suzanne Collins destruiu O MOTIVO de tudo, da garra da protagonista.
Infelizmente, para um fim de saga, esse livro me decepcionou bastante!!!!!
Destruiu todo o seu trabalho com esse final.


quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Li até a página 100... O Inverno das Fadas, de Carolina Munhóz

Olá leitores lindos!!
Venho com mais um vídeo, gravei já a um tempinho mas só agora consegui postar aqui (já estava no Youtube).
Estou lendo O Inverno das Fadas da Carolina Munhóz e essa é a minha opinião do livro, até a página 100!!!!
Beijocas!!!





segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

[Vídeo] Comprei e Ganhei!!! Black Friday, Natal e mês de Janeiro + Super heróis

Bom dia pessoal,
O vídeo foi gravado a alguns dias mas hoje eu consegui colocá-lo no ar aqui no blog!!!!
Como prometido mostro meus últimos livros adquiridos. Foram bastante!!! E duas histórias em quadrinhos!!!
beijocas

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

[Vídeo] Leituras de janeiro + Sorteio de Marcadores




Quer concorrer a três marcadores de livro?
Curta a página do blog no facebook: facebook/lendoebebendo
ou nos adicione no Google Friend Connect.
Deixe um comentário aqui dizendo: participando.
Caso nos siga em ambos a sua chance de ganhar é em dobro!

Boa sorte!!!
O sorteio ocorrerá dia 08/02!